O meu filho não quer comer!

Não quer comer? Não insista! Criança que não quer comer não está com fome. Ofereça a refeição ou lanche mais tarde, sem chantagens, sem crise, sem preocupações. Os pequenos sabem o que querem desde o início, não os subestime! É importante falar que depois do 1° ano de vida a atenção dos pequenos está voltada para outras atividades além de comer, como brincadeiras e o … Continuar lendo O meu filho não quer comer!

Método BLW: você já ouviu falar?

A gente tem certeza que sim, o método Baby-led Weaning (BLW) está circulando em todas as conversas de mães, cuidadores e profissionais de saúde. É um método para oferecer  alimentos em pedaços a partir dos seis meses de idade, substituindo a tradicional alimentação por colher. Como alguns problemas foram surgindo como riscos de engasgos, deficiência de ferro e falta de variabilidade na oferta dos alimentos,  surgiu … Continuar lendo Método BLW: você já ouviu falar?

Micronutrientes? Cuidado com o excesso!

Micronutrientes são muito importantes para o crescimento e desenvolvimento das crianças. Os mais famosos são ferro, zinco, vitamina A, cálcio, vitamina D, vitamina C, folato e  vitamin 12. As crianças   menores de cinco anos precisam muito desses nutrientes e  desenvolvem deficiências com muita facilidade se não recebem quantidades suficientes. Ops! Então porque  estamos falando em excesso? A maioria dos alimentos para bebês e crianças, produzidos … Continuar lendo Micronutrientes? Cuidado com o excesso!

Leite materno e a lactose

Esse texto é para alertar às mães que lactose não é tão ruim assim, já que o melhor leite do mundo, o leite humano, tem altos níveis de lactose. A lactose é o carboidrato do leite materno e é muito importante para ajudar a formar a flora intestinal do bebê e tem também papel protetor, isto é, ajuda na imunidade da criança. Portanto, não é … Continuar lendo Leite materno e a lactose

Bebês em movimento

Alimentação saudável para bebês (até dois doce não)  deve vir acompanhada de atividade física de qualquer espécie. Enquanto eles não estão prontos para exercícios físicos regulares, que tal estimular os bebês  a se mexerem?  Dançar é uma ótima opção! Mas, há outras tantas possibilidades: agachamento, elevação dos braços ou das pernas e rodopiar lentamente com os bracinhos levantados são apenas algumas formas de estimular o … Continuar lendo Bebês em movimento

A vantagem de não oferecer doces

  Os bebês nos primeiros dois anos têm preferência pelo sabor doce e   por isso quando eles experimentam alimentos com açúcar, eles aprendem que esses alimentos existem e que ao ingeri-los eles sentem prazer e têm resposta rápida quanto à sensação de bem estar fisiológico. Por esse motivo a não oferta de doces retarda o “gostar” desses alimentos e como consequência eles vão aceitar melhor  os alimentos saudáveis … Continuar lendo A vantagem de não oferecer doces

Doce não é recompensa

Quem nunca escutou “Se você comer todo o papá vou dar aquele pudim que você adora!” E aí que mora o perigo…treinamos nossos filhos ou netos para ter recompensas imediatas. E pensando…será que a salada é tão ruim assim que precisamos dar uma recompensa por ela? Além disso,  forçar a criança a comer, fazer chantagem, oferecer recompensas deixarão para ela a mensagem de que comer é … Continuar lendo Doce não é recompensa